Pular para o conteúdo principal

VIDEO PUBLICADO NO BRAZILIAN JOURNAL OF UROLOGY

COM IMENSO PRAZER QUE RECEBEMOS A NOTICIA  DE QUE O NOSSO VIDEO FOI ACEITO  E JA ESTA PUBLICADO NO BRAZILIAN JOURNAL OF UROLOGY ( TERCEIRO JORNAL DE UROLOGIA MAIS VISTO NO MUNDO ).
ESSE VIDEO MOSTRA A RESSECÇAO DE UMA METASTASE DE CARCINOMA DE RIM ( CELULAS CLARAS) TODO POR VIDEOLAPAROSCOPIA . A MASSA TINHA 12 CM E RETIRAMOS NA POR UMA INCISAO SOBRE UMA DE CEZAREANA PRÉVIA.
ESSE E O LINK-
 http://brazjurol.com.br/may_june_2014/Video_Curcio_431_432.pdf

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CARTA DE AGRADECIMENTO

Muito reconfortante, quando te reconhecem pelo seu trabalho.
Carta de agradecimento do Residente (R3)


CORREÇÃO DE FÍSTULA VESICO-VAGINAL REICIDIVADA POR LAPAROSCOPIA

A histerectomia abdominal é a causa mais comum de fístula vésico-vaginal em países em desenvolvimento, sendo a sua incidência de 0,3-2 % dos casos . A laparoscopia constitui uma via bastante atraente para correção dessa iatrogenia, principalmete para lesões mais distais , com taxas de sucesso que vão de 75 a 95% , porém em 10% dos casos pode haver reicidiva.  Caso- Mulher de 48 anos , sem comorbidades , foi submetida há 1 ano a histerectomia abdominal por conta de miomatose uterina , porém evoluiu com perda urínária contínua , onde foi constatado fístula vésico-vaginal. Foi tentado uma correção por via abdominal , em outro hospital ,sem sucesso.  Sua Tomografia mostrava uma comunicação anômala entre a bexiga e a cúpula vaginal , sem dilatação das via urinárias superiores.  TC com reconstrução mostrando a fístula   Cistografia confirmando a fístula  Abertura mínima da bexiga ( para identificação da fístula)  Fechamento da cúpula vaginal  Fechamento da bexiga   Interposição de omen…

TRATAMENTO CIRURGICO DO CANCER DE PROSTATA COM ALGUNS FURINHOS

Antigamente usava-se o bordão " Grandes incisões , grandes cirurgiões", porem hoje em dia se sabe que com a laparoscopia obtemos melhores taxas de sucesso em relação a cirurgia aberta tais como: menor sangramento, retorno mais rápido as atividades habituais , melhor aspecto estético e o mais importante o não comprometimento do resultado oncológico em casos de câncer.
Baseado nisto , começamos, em 2007, nossos casos de laparoscopia para tratar o câncer de próstata, no Hospital de Ipanema e hoje já estamos com mais de 110 casos tratados desta maneira. O nosso tempo cirúrgico , que era de 6 horas , em media, hoje esta próximo de 2h 50 minutos , com linfadenectomia( retirada de alguns gânglios) associada. VEJA O VIDEO

FOTO mostrando a posição dos trocateres. FOTO mostrando o aspecto final das incisões.

VÍDEO DE PROSTATECTOMIA RADICAL VIDEOLAPAROSCOPICA